Um ano sem Steve Jobs

Há exatamente um ano, Steve Jobs, fundador e força criativa por trás da Apple, morreu após uma longa batalha contra um raro tipo de câncer do pâncreas. Deixou um legado só comparável ao de gênios que aparecem de tempos em tempos sobre a Terra.

Ele foi diretamente responsável, por exemplo, por aproximar tecnologia e usuário comum, dando forma a um computador pessoal, por revolucionar o negócio da música, dar impulso ao mercado de smartphones e praticamente inventar aplicativos para esses dispositivos. Também teve coragem de dar forma a um “leitor” de mídia que havia muito era ensaiado por empresas de tecnologia e, de quebra, empurrou adiante o setor de animação para o cinema. Por isso, termos como Mac, iPod, iPhone, iPad e Toy Story ficarão marcados na história.

Um ano sem Jobs. Significa muita coisa, mas o principal é que a Apple continua. Diferente, mas a mesma.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s